início do conteúdo

O Campus


     

HITÓRICO DO IFMT VÁRZEA GRANDE (maio de 2018)

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso – IFMT Campus Várzea Grande foi criado através da Portaria nº 993, de 07 de outubro de 2013, fazendo parte da terceira fase do plano de expansão da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica. O Município de Várzea Grande doou uma área para a implantação do campus, localizada no bairro Chapéu do Sol, tendo a escritura do terreno sido registrada oficialmente em nome do IFMT em julho de 2013.

Inicialmente o campus foi instalado num prédio construído pela administração municipal, que seria destinada para uma escola de educação infantil e contava com 11 (onze) salas, localizado no bairro Chapéu do Sol. Foram feitas algumas adaptações para transformar este prédio segundo as necessidades do campus. Hoje o campus ainda funciona no mesmo prédio e conta com 11 (onze) salas de aula, 02 (dois) laboratórios de informática e 01 (um) laboratório multifuncional, além da biblioteca, salas administrativas e cantina. Para as atividades esportivas, é utilizada uma quadra poliesportiva de uma escola municipal vizinha e o conjunto poliesportivo Dom Aquino e do campus Cuiabá.

Os primeiros cursos ofertados pelo campus foram Agente de limpeza de aeronaves, Agente de rampa e pista e Agente de aeroporto, através do PRONATEC (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego), que foram realizados em uma escola do município. Em 2014, quando se instalou no prédio cedido pela prefeitura, o campus ofertou os cursos de idioma, modalidade FIC. Somente a partir de 2015 iniciaram-se os cursos de Ensino Médio.

No eixo de Infraestrutura criou-se os cursos de nível técnico em Desenho de Construção Civil e técnico em Edificações. No eixo de Gestão e Negócios, já ofertou o curso para formação de Técnico em Serviços de Condomínio (já finalizado) e, atualmente, oferta o curso de nível médio de Técnico em Logística. Em nível superior foi implantado o Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública. Na modalidade de Educação a Distância, o campus oferta os cursos de Especialização em Gestão Pública, em “Libras e Educação Inclusiva” e em “Formação Docente para a Educação Profissional Integrada com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos – Proeja”.

Hoje o campus conta, ao todo, com mais de 600 (seiscentos) alunos nos cursos regulares, cerca de 120 (cento e vinte) nos cursos de língua oferecido na modalidade Formação Inicial Continuada – FIC e mais de 1800 (mil e oitocentos) estudantes matriculados nos cursos de especialização modalidade a distância.

A extensão do IFMT Várzea Grande é muito valorizada, alcançando 100% dos alunos. Dentre um dos principais projetos de extensão está o PlantART, que consiste em fazer a regularização fundiária gratuitamente para as pessoas que não têm condições de arcar com os gastos para tal. Outros destaques da extensão são o Jovem Educador e o EcoLog. O Projeto Jovem Educador oferece conhecimentos básicos de língua inglesa a crianças de 8 e 9 anos, regularmente matriculadas nas escolas estaduais e municipais do entorno do campus. Em 2018 o projeto também oferecerá, junto com a prefeitura de Várzea Grande, o aperfeiçoamento de cerca de 40 (quarenta) professoras do ciclo fundamental.

No EcoLog os estudantes elaboram projetos de gestão dos resíduos sólidos, visando atender a comunidade várzea-grandense com ações e medidas para a destinação do lixo e aquisição de fonte de renda com o mesmo. Este projeto também passa, a partir de 2018, a fazer um trabalho de educação ambiental e coleta seletiva em conjunto com a Associação de catadores de Várzea Grande (ASSCAVAG). Associação essa que acabou de formar uma turma de quase 30 alunas, mulheres negras, em um curso de inclusão digital do Programa Teresa de Benguela.

A Prefeitura municipal de Várzea Grande tem notável parceria com o campus. Além de cederem o espaço, hoje ela também contribui com uma professora de música que ensina violino, violoncelo e flauta transversal para 20 (vinte) crianças no Projeto Pauta Viva. Este trabalho tem o sonho de, futuramente, compor uma camerata ou uma orquestra. Além deste, outro projeto de música muito importante é o Coral VGD, que conta com a participação de alunos, ex-alunos, servidores e comunidade externa.

A inclusão social é praticada o tempo todo, nos eventos, viagens e cursos. Os projetos nos quais pode-se ver isso mais intensamente são no Projeto Expedições Seculares e nas Jornadas Científicas, com temáticas indígena e quilombola, cultuando, vivenciando e exaltando as diferenças.

Atualmente o Campus oferece os seguintes cursos:

Formação Inicial e Continuada

Inglês Básico – Formação Inicial e Continuada (FIC)
Espanhol Básico – Formação Inicial e Continuada (FIC)

Cursos Técnicos Integrados ao Nível Médio

  • Desenho de Construção Civil 
  • Edificações 
  • Logística 

Nível Superior

  • Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública

Pós-graduação

  • Especialização Lato Sensu em Gestão Pública
  • Especialização Lato Sensu em Educação Inclusiva – LIBRAS
  • Especialização Lato Sensu em Educação de Jovens e Adultos - PROEJA

Publicado em setembro/2015; Atualizado em maio/2018.

início do rodapé

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso - Campus Várzea Grande

Avenida Tiradentes (Lot Jd Manaíra), nº 1300 - Petrópolis - CEP 78144-424

Telefones: Dep. Ensino: 65 3691-8000/09/13/16/19/43 Secretaria: 65 3691-8014 Gabinete: 65 3691-8002

Várzea Grande/MT