início do conteúdo

Revitalização de Associação de catadores de Várzea Grande caminha a passos largos

Publicado por: Campus Várzea Grande / 28 de Novembro de 2019 às 20:16

No dia 20 de novembro de 2019 foi realizado o Mutirão Essa Rua é Minha na sede da Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Várzea Grande (ASSCAVAG) , por associados e associadas, comunidade e bolsistas do projeto Se Essa Rua Fosse Minha, do IFMT Várzea Grande. Foi uma tarde agitada, com brincadeiras com as crianças, feira de comidas e artesanatos, tratamentos de beleza, cabide solidário, sorteio de rifa, apresentações culturais e muitas pessoas voluntárias cavando buracos, plantando árvores, preparando, nivelando e adubando o solo, plantando e molhando a grama.

O professor Jucelino Gimenez coordenou o plantio das árvores nas calçadas da Asscavag, auxiliado pela bolsista Maiara Maia e diversos voluntários. As mudas foram doadas ao projeto pela Secretaria de Meio Ambiente de Várzea Grande, em parceria com a EMPAER. Também foram instalados os pilares dos futuros pergolados da área de lazer. O trabalho foi coordenado pelo Professor Bruno Rodrigues e pela ex-Professora Natallia Sanches. As bolsistas Elen e Bárbara, juntamente com várias pessoas voluntárias, auxiliaram todo o processo. 

O pessoal do EcoLog, projeto de estudantes de Logística do campus, fez a diferença no evento Essa Rua É Minha, eles realizaram uma oficina em que ensinaram a fabricação caseira de sabão através da reutilização de óleo de cozinha, construiram EcoPontos para a Associação e mantiveram as crianças ocupadas, através de jogos e brincadeiras. Além de tudo isso, a Asscavag ainda organizou um desfile mirim e adulto de roupas confeccionadas com materiais recicláveis.

Segundo Janaina Matoso, coordenadora do projeto Se Essa Rua Fosse Minha e grande idealizadora do Mutirão, "para o dia 20 de novembro procurávamos muito mais que a realização do mutirão, nosso anseio era unir toda a vizinhança, na RUA, com atividades que atenderiam um público variado". "Então, achamos conveniente chamar o evento de Essa Rua é Minha, e foi lá, na rua, que aconteceu uma feira maravilhosa, com vários expositores, valorizando o artesanato local e as relações comerciais entre a comunidade", afirmou Janaina.

Para Izaias Pereira de Barros, Presidente da Associação, o mutirão foi muito legal, "porque vimos que a realidade que a gente vivencia é totalmente diferente... a gente viu pessoas compromissadas em querer fazer o social e foi muito gratificante ver pessoas que a gente nunca viu querendo ajudar a melhorar o entorno da Asscavag".

Valquíria Pereira de Barros, associada, afirmou que o mutirão foi muito bom, "porque houve participação dos alunos, envolvimento dos alunos da UNIC, envolvimento dos alunos do IFMT, envolvimento dos professores, envolvimento de todo mundo, atingiu todas as expectativas que eu imaginava de não acontecer".

  

"Agradeço muito o IFMT, porque na realidade, eles realizaram um projeto que vai de frente com a necessidade da Asscavag, pois, querendo ou não a gente é um passivo de poluidor e vocês realizaram, pra nós, um projeto muito dinâmico, aonde a gente vai devolver para a sociedade local a compensação de um pequeno transtorno visual, porque a comunidade em si, ela ainda não entende que ali é um projeto, é de responsabilidade da sociedade, todo mundo tem que fazer a coleta seletiva, tem que ter a educação ambiental, e eles entendem que ali é um lixão", explicou Valquíria.

"Eu só tenho que agradecer o IFMT, porque os alunos que estão envolvidos são pessoas realmente que querem fazer a diferença!", finalizou a associada.

Sobre a revitalização da ASSCAVAG

Mas o projeto continua! Além das oficinas já realizadas, para fabricação de móveis para a revitalização, hoje (28/11), bolsistas do Se Essa Rua Fosse Minha, liderados por Edvaldo Maia, pai da Bolsista Maiara (com a madeira preparada pelo marceneiro José Aparecido Bolito), realizaram uma oficina para construir bancos a partir de paletes desmontados, durante o II AGRIGEO e IV EDIFICANDO, evento do IFMT Campus Cuiabá Cel. Octayde Jorge da Silva.

Além disso, ainda serão realizados outros mutirões, para pintar a parede para que nossos parceiros grafiteiros possam embelezar o paredão do galpão da Associação, e também para montar os móveis, puffs, bancos, floreiras, parquinho e todo o resto para finalizar a revitalização. Para isso, o projeto ainda está arrecadando fundos através de colaborações em uma vaquinha virtual, que pode ser acessada neste link: http://vaka.me/691276 (as doações são a partir de 25 reais e podem ser feitas até sábado, dia 30 de novembro).

início do rodapé

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso - Campus Várzea Grande

Avenida Tiradentes (Lot Jd Manaíra), nº 1300 - Petrópolis - CEP 78144-424

Telefones: Dep. Ensino: 65 3691-8000/09/13/16/19/43 Secretaria: 65 3691-8014 Gabinete: 65 3691-8002

Várzea Grande/MT